Arquivo da tag: mito

A Ferrari de Koba-san


Warning: preg_match() [function.preg-match]: Compilation failed: unrecognized character after (?< at offset 10 in /home/httpd/vhosts/warmup.com.br/subdomains/bloggp/httpdocs/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Kamui Kobayashi deu início à sua preparação visando a estreia no Mundial de Endurance e, principalmente, o debute nas 24 Horas de Le Mans deste ano. Novo piloto da AF Corse, equipe oficial da Ferrari na classe LMGTE-Pro do WEC, O japonês, que será parceiro de Toni Vilander em Sarthe, testou sua Ferrari F458 Italia na última segunda-feira no circuito de Vallelunga, na Itália. Em uma das fotos, divulgada em sua conta no Instagram, Koba-san não escondeu seu sentimento: “Meu novo carro. Feliz por ver meu brinquedinho”.

O mito, que faz muita falta na F1, diga-se, até que ficou bem vestido com as cores da Ferrari, não? Grande sacada da Ferrari e de Kamui, que mostra que há vida fora da F1. O WEC já provou ser uma baita categoria e certamente atrairá muitos outros pilotos da F1 em pouco tempo.

Vida longa ao WEC, vida longa à carreira de Kobayashi!

Kobayashi todo feliz com seu brinquedinho novo (Foto: Instagram)

Kamui testou sua F458 Italia em Vallelunga (Foto: Instagram)

Tags: , , , , , , , , | 42 Comentários

O artista do rali


Warning: preg_match() [function.preg-match]: Compilation failed: unrecognized character after (?< at offset 10 in /home/httpd/vhosts/warmup.com.br/subdomains/bloggp/httpdocs/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Depois de quase um mês de férias, estou de volta! É bom retornar ao trabalho, diga-se. Baterias recarregadas para fechar mais um ano aqui no Grande Prêmio.

Mas vamos ao que realmente importa. O assunto da vez é Sébastien Loeb. Loeb é mito, é lenda viva, é tudo isso e muito mais. Loeb é um desses gênios do esporte a motor que, de tempos em tempos, brindam os fãs da velocidade em todo o mundo. Dono de pilotagem perfeita, Loeb dá show. Um show que, pelo menos no WRC, está prestes a terminar.

Perto do NONO título mundial, Seb já anunciou que fará três ou quatro provas em 2013 e vai mudar seus horizontes. As primeiras informações apontam para um futuro no WTCC, mas, em minha opinião, é muito pouco para o que Loeb representa. Talvez o Mundial de Endurance e as 24 Horas de Le Mans tenham mais a ‘cara’ dele, mas ficaria muito feliz se ele anunciasse sua estreia no Dakar em 2014.

Abro um parêntese aqui. Claro que Loeb é o gênio do rali, é o cara, é o fodão, enfim. Mas é preciso creditar boa parte dos seus méritos ao eterno parceiro, o navegador Daniel Elena, um homem de história imensa no rali também! Fecho o parêntese.

Antti Kalhola, um gênio dos vídeos, produziu essa incrível e espetacular coletânea de imagens de Loeb em sua história vitoriosa no Mundial de Rali. Enquanto Seb não se despede do WRC, recomendo cada segundo deste vídeo antológico, de pouco mais de três minutos. Não perca o fôlego com Loeb, o artista do rali!

Tags: , , , , , , , , | 6 Comentários

Na rota do Sertões: cara a cara com o mito


Warning: preg_match() [function.preg-match]: Compilation failed: unrecognized character after (?< at offset 10 in /home/httpd/vhosts/warmup.com.br/subdomains/bloggp/httpdocs/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de São Luís

É amanhã que os motores finalmente vão roncar aqui em São Luís, e o Rali dos Sertões vai começar a escrever a 20ª página de sua história. O clima de expectativa e de ansiedade é nítido nos olhares, nas entrevistas, nos gestos de cada competidor que está por aqui. E pude ver isso ao falar com muitos deles. As ambições são bem distintas: alguns vêm para lutar pela vitória, enquanto que, para outros, a conquista maior é simplesmente chegar em Fortaleza no próximo dia 28. No fim das contas, o que move todos é a pura e simples paixão pelo esporte.

Hoje, sexta-feira (17), foi um dia de muita movimentação aqui no Hotel Luzeiros, onde foram realizados os briefings com pilotos de carros, caminhões, motos, quadriciclos e UTVs, um outro briefing, com as equipes de apoio, além de, mais cedo, uma entrevista coletiva com as autoridades, diretores de prova e competidores e, também, um almoço promovido pela Honda Racing. Nesse tempo todo hoje tive a chance de conhecer de perto um mito do esporte, nas duas e nas quatro rodas.

Stéphane Peterhansel é a grande estrela do Rali dos Sertões 2012 (Foto: Fernando Silva/Grande Prêmio)

Talvez a grande atração do histórico 20º Rali dos Sertões seja a presença de Stéphane Peterhansel e seu inseparável navegador Jean-Paul Cottret, que vão tentar bater Guilherme Spinelli e Youssef Haddad com um Mini All4 Racing da equipe alemã X-raid. Peter, como é chamado por todos os seus colegas aqui no Maranhão, foi o último a se posicionar na mesa dos pilotos que participaram da entrevista, sentando-se ao lado de Tom Rosa, Felipe Zanol, Guilherme Spinelli, Edu Piano e Guido Salvini.

A sala de convenções, onde foi realizada a entrevista na manhã desta sexta, estava cheia de mulheres (lindíssimas, por sinal) distribuindo latinhas de Red Bull a torto e a direito. E as latinhas taurinas também decoravam a mesa da coletiva, sempre com um piloto tendo um Red Bull à frente. ‘Macaco velho’, Stéphane, que é patrocinado pela concorrente Monster, sutilmente colocou a ‘sua’ latinha de Red Bull para bem longe, até para não correr o risco de ser fotografado com um produto de uma marca rival.

Dez vezes campeão do Dakar e verdadeiro mito do esporte, Peterhansel, pode-se dizer, está para o rali cross-country como Michael Schumacher está para a F1. O maior de todos os tempos, o único, o imbatível. Assim é como Stéphane é visto por todos aqui, como o cara, o fodão, o melhor da história. E é justo considerá-lo assim. Afinal, são dez títulos do Dakar, seis nas motos e quatro nos carros. Quando um competidor vence uma prova da dimensão e da importância do Dakar uma vez, vira grande; quando vence dez, vira imortal. E Peterhansel é imortal.

E o que percebi, desde quando ele fez sua primeira aparição pública aqui em São Luís nesta sexta, é que ele, no alto da sua história como piloto, sempre se mostrou muito solícito com todos, seja com o amigo ‘Guiga’ Spinelli, seja com um fã, um membro de uma equipe de apoio, se disponibilizando sempre para tirar uma foto ou bater um papo. Assim foi também com a imprensa presente aqui. Peter deu a mesma atenção a cada um dos repórteres presentes e falou com todos com a maior tranquilidade. Postura, aliás, comum aos pilotos e navegadores do rali.

Marquei com ele próprio uma entrevista após o briefing, à tarde. E finalmente consegui falar com o mítico Peter, por volta das 17h. Em todas as respostas, Stéphane foi muito convicto, simples e se mostrou bastante humilde. Durante um trecho, ele diz ter a consciência de que é um dos grandes do esporte a motor em todos os tempos, mas que se vê apenas como uma pessoa normal.

Peterhansel falou sobre muita coisa, como a sua primeira vez no Sertões, sua história no Dakar, Sébastien Loeb, a possibilidade de um dia o Brasil receber uma especial do Dakar, enfim. Muita coisa. Adianto ao amigo leitor que a entrevista será publicada na Revista WARM UP, edição 29. Edição, diga-se de passagem, pra lá de especial, pois terá outra entrevista com outro mito do automobilismo: Emerson Fittipaldi. Em breve nas bancas virtuais!

Obviamente, Peterhansel veio para vencer. Por mais que diga que não, que não se considera o favorito à prova, seu equipamento e, principalmente, seu retrospecto vencedor, o coloca como o grande postulante ao título do Sertões 2012. O Mini All4 Racing é um baita carro e vai certamente lutar de igual para igual com o Lancer de Spinelli. Em teoria, a luta pela vitória ficará entre os dois, embora seja mais sensato não descartar Riamburgo Ximenes da briga.

Aliás, falando em Riamburgo, acabei fazendo parte de um momento curioso. Quando abordei Peterhansel, no saguão do hotel, para fazer uma última pergunta, o piloto cearense, que também correrá pela X-raid neste ano, mas com um BMW X3, se aproximou, bem humorado, e me disse: “Avise a ele [apontando para Peter] que só não falo mais com ele por causa de problemas de linguagem”. E eu disse isso, com meu inglês raikkonensístico, ao francês, que riu e disse que estava feliz por correr ao lado de Riamburgo.

Foi um baita dia, devo dizer. Não é sempre que você fica cara a cara com um mito do esporte.

E não é sempre que você consegue fazer uma entrevista com uma mulher linda, guerreira, vencedora, musa do rali e rainha do carnaval. No próximo post eu explico como foi.

Tags: , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Loeb, o mito


Warning: preg_match() [function.preg-match]: Compilation failed: unrecognized character after (?< at offset 10 in /home/httpd/vhosts/warmup.com.br/subdomains/bloggp/httpdocs/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

No último domingo, lá em Los Angeles, Sébastien Loeb deu mais um show de pilotagem. Sem tomar conhecimento dos rivais, venceu com sobras a prova do RallyCross e faturou a medalha de ouro no X Games 18 logo em sua estreia na competição. Ken Block, Tanner Foust… ninguém, absolutamente ninguém foi páreo para Seb, que só deu mais uma prova de que é um desses mitos que todos da nossa geração temos o privilégio de ver. Já escrevi aqui algumas vezes que a nossa geração é privilegiada por poder ver em ação verdadeiras lendas do esporte como o próprio Loeb, Valentino Rossi, Michael Schumacher, Fernando Alonso, Kelly Slater, entre tantos outros.

Também já escrevi algumas vezes que considero, dentre todos, pelo menos entre os que estão em atividade, que Loeb é disparado o melhor, à frente até de Alonso, sem aqui querer fazer qualquer comparação entre os estilos do rali e da F1. Mas lembro que certa vez, em uma entrevista, Kimi Räikkönen disse que era muito mais fácil bater Sebastian Vettel do que o xará Loeb. E de fato, o cara é praticamente imbatível. Enquanto Loeb estiver em atividade, todos os outros lutarão pelo segundo lugar, simples assim.

Atualmente, no esporte a motor, coloco Loeb, Alonso e Jorge Lorenzo no top-3. E para você, amigo leitor, Sébastien é o melhor de todos em atividade? Opine aqui!

E abaixo, curta a final do RallyCross nos X Games e veja porque Loeb é o mito e a lenda.

http://youtu.be/vwvCmYT6xJQ

Tags: , , , , , , , , , | 9 Comentários